Até pouco tempo atrás não se ouvia falar a respeito do tal óleo de coco como se ouve falar atualmente. Devido à aparição repentina desse produto nos mercados, nas receitas e por toda a internet, muitas dúvidas surgiram quanto aos seus benefícios, utilização no dia a dia e outras questões.

Esse óleo é versátil em sua utilidade, pois serve não só para a alimentação, mas também nos cuidados com o corpo — como hidratação da pele e do cabelo. Quer saber mais a respeito de seus benefícios e utilizações? Continue lendo para conferir!

1. Quais são suas propriedades?

Ele é rico em gorduras mono e poli-insaturadas, ácidos graxos saturados e insaturados, isto é, gordura de ótima qualidade para corpo. Tem propriedades antioxidantes, fungicidas, hidratantes e muito mais. Possui ácido láurico em sua composição — um nutriente presente também no leite materno e que apresenta capacidade de potencializar a defesa do sistema imunológico.

2. Por que o óleo de coco é saudável?

O óleo de coco é um produto totalmente natural e que, devido à sua excelente composição, apresenta inúmeros benefícios para a estética e para a saúde de quem o consome regularmente. São alguns de seus benefícios:

  • reduz de forma significante o colesterol ruim (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL);
  • proporciona maior saciedade;
  • auxilia no emagrecimento;
  • ajuda na digestão e no funcionamento do intestino;
  • promove a imunidade;
  • propicia uma pele mais bonita.

3. Como posso incluí-lo em minha alimentação?

Óleo de coco pode substituir a manteiga, o azeite e outros óleos vegetais nas preparações diárias. Portanto, ele pode ser utilizado em bolos e sobremesas, refogados, tortas, como tempero para saladas e outros. Assim, é possível variar nos ingredientes utilizados em sua cozinha e proporcionar uma refeição mais nutritiva para você e sua família.

É um excelente alimento substitutivo da manteiga nas receitas, pois ele também atinge uma textura sólida quando em temperaturas baixas — além de ser mais saudável! Dessa forma, ao trocar a manteiga pelo óleo de coco, você não corre o risco de não atingir o ponto da receita.

No entanto, algumas marcas de óleo de coco podem apresentar cheiro e sabor forte. Sendo assim, é recomendado comprar o óleo sem sabor, dependendo da receita, quantidade utilizada e do seu gosto. Lembrando que o consumo não deve ser maior que duas colheres de sopa por dia. Além disso, sempre que possível, opte por utilizar o óleo de coco extravirgem.

4. Quais são os benefícios para a pele e o cabelo?

Ele ajuda a conquistar uma pele mais hidratada, deixando-a menos áspera, ressecada e ajudando a prevenir estrias. Inclusive, ele também funciona como um excelente demaquilante natural. Já para o cabelo, óleo de coco pode ajudar na nutrição, recuperando do aspecto opaco e sem vida causados pelo desgaste diário e pelo uso de químicas.

Portanto, óleo de coco é um produto bastante versátil. Ele é a opção ideal para quem deseja facilidade no consumo de alimentos saudáveis — porque proporciona uma alimentação mais diversificada e garante a obtenção de inúmeros benefícios. Além disso, você terá em mãos um produto que pode ser utilizado para hidratar a pele e o cabelo de maneira simples, rápida e natural.

Gostou do post? Então aproveite para compartilhar esta descoberta maravilhosa sobre o uso do óleo de coco com seus amigos nas redes sociais!